O que é o domínio do Bitcoin (BTC)?
Home > O que é o domínio do Bitcoin (BTC)?
Mariana Scabello
out 24, 2022 7 mins read

O que é o domínio do Bitcoin (BTC)?

O Bitcoin se tornou tão popular e tão valioso que, ainda hoje, mesmo existindo várias outras opções de investimento em criptomoedas, ele ainda representa uma grande parte do volume de negociação em todo o setor. Tanto que existe uma métrica que compara a capitalização de mercado do Bitcoin com o valor atual de todas as outras criptomoedas combinadas.

A relação entre esses dois números é o que o mercado chama de “dominância do Bitcoin” ou “dominância do BTC”. Neste guia da AAG Academy, abordaremos o que significa o domínio do Bitcoin, por que ele existe e, por que é uma parte importante do mundo das criptomoedas.

Por muitos anos, o valor do Bitcoin foi significativamente maior do que o de todas as outras criptomoedas juntas – às vezes em até 100%. Em outras palavras, se você somasse o valor de mercado de todas as outras criptomoedas existentes, o Bitcoin ainda valeria o dobro. Isso é um feito inacreditável.

Nos últimos anos, graças à crescente popularidade das criptomoedas em geral, o domínio do Bitcoin caiu e provavelmente nunca atingirá os altos de antigamente (em domínio, não em valor). No entanto, o BTC continua sendo a moeda digital mais valiosa e por uma margem bem significativa. Em 13 de outubro de 2022, a capitalização de mercado do Bitcoin era de pouco menos de US $370 bilhões.

Para colocar esse número em perspectiva, o Ethereum, a segunda criptomoeda em termos de capitalização de mercado, vale menos da metade disso, com valor equivalente a US $156 bilhões. Mesmo se você combinar quatro das cinco principais criptomoedas – Ethereum, Tether, USD Coin e BNB – sua capitalização total de mercado ainda é significativamente menor (em mais de US $50 bilhões) do que a do Bitcoin.

Portanto, mesmo em 2022, o domínio do Bitcoin ainda existe e, com o próprio Bitcoin não mostrando sinais de perder seu título como a criptomoeda mais valiosa e popular do mundo, é provável que exista por muitos anos.

Por que o Bitcoin é tão popular?

Você pode estar se perguntando por que o Bitcoin é tão popular. Bem, há muitas razões para isso, incluindo o fato de ser a primeira criptomoeda do mundo. Quando fez sua estreia pública oficial, em 2009, o Bitcoin era a primeira moeda digital descentralizada baseada na tecnologia blockchain, e assim, estabeleceu as bases para todo o setor de criptomoedas.

Claro, isso é apenas uma pequena parte do porquê de sua popularidade. O Bitcoin também acertou muitas coisas de primeira, o que o ajudou a manter sua posição como o rei da indústria, mesmo enquanto outras moedas e tokens se tornavam um enorme sucesso – talvez porque muitas delas são apenas clones do Bitcoin. Mas o principal motivo é a sua capacidade de atuar como uma moeda regular.

O Bitcoin também desfrutou de muito hype ao longo dos anos, o que ajudou a aumentar a demanda. Ao contrário de muitas outras criptomoedas, é finito em sua oferta, não há um número ilimitado de BTC. Cerca de 19 milhões foram cunhados até agora, e quando esse número chegar perto de 21 milhões, o que deve acontecer em 2140, será impossível cunhar mais.

Além disso, o Bitcoin é uma das criptomoedas mais acessíveis. Está disponível em quase todas as exchanges do mundo, incluindo as maiores exchanges centralizadas, muitas das quais permitem comprar moedas com cartão de débito, dependendo do país. Isso significa que adquirir Bitcoin é quase tão fácil quanto encomendar uma camiseta online.

Você pode se interessar por: O que é Bitcoin?

Maior base de usuários entre todas as criptomoedas

Todas essas razões, e muitas outras, ajudaram o Bitcoin a atrair a maior base de usuários entre as criptomoedas. Estima-se que 144 milhões de carteiras detêm Bitcoin em todo o mundo e atualmente existem quase 300.000 transações de Bitcoin realizadas todos os dias – mesmo quando o setor de criptomoedas, como a economia em geral em muitos países, está em queda.

Para colocar estes dados em perspectiva, vamos comparar esses números com os do Ethereum, a segunda criptomoeda mais valiosa do mundo. Embora haja mais transações de ETH todos os dias (mais de 1 milhão), devido ao fato da blockchain Ethereum abrigar um grande número de criptomoedas menores, os dados mais recentes sugerem que menos de 100 milhões de carteiras possuem ETH.

Criptomoeda mais aceita pelos comerciantes

Não deve ser uma grande surpresa o fato do Bitcoin ser a criptomoeda mais aceita pelos comerciantes, uma vez que foi projetado originalmente para ser uma alternativa ao dinheiro fiduciário tradicional. Mais de 15.000 comerciantes – incluindo grandes marcas como Microsoft, AT&T e Twitch – aceitam hoje BTC para bens e serviços. Nenhuma outra criptomoeda pode te oferecer isso.

A aceitação do Bitcoin quase certamente continuará a aumentar nos próximos anos devido ao fato de ser tão popular entre os entusiastas de criptomoedas. E embora possa ser tão volátil quanto as outras, também é uma das criptomoedas mais estáveis. Seu valor pode cair de tempos em tempos, talvez até significativamente, mas sempre retorna e até supera seus máximos anteriores.

Bitcoin é baseado em prova de trabalho (PoW)

Como mencionamos acima, o Bitcoin lançou as bases para o resto da indústria,  popularizando uma série de tecnologias que se tornaram essenciais para o surgimento de quase todas as outras criptomoedas. Uma delas é o mecanismo de consenso de Prova-de-trabalho (PoW) para verificar as transações de criptomoedas, registrá-las na blockchain e até cunhar novas moedas.

O PoW permite que qualquer pessoa com o hardware certo contribua para o processo de validação do Bitcoin resolvendo problemas matemáticos complexos. Isso envolve verificar as transações, registrá-las em um bloco e, em seguida, adicionar esse bloco à cadeia. Como recompensa por seu trabalho, os contribuidores ou “mineradores” recebem um novo BTC para cada bloco processado.

No começo, a mineração do Bitcoin era uma tarefa muito mais simples e menos intensiva, o que o tornou muito popular. No entanto, como o processo de mineração se tornou mais complexo ao longo dos anos, agora é necessário um hardware significativamente mais poderoso e a concorrência é muito mais acirrada. Embora a mineração de BTC ainda possa ser lucrativa, a barreira de entrada é muito maior.

Você pode se interessar por: O que é Prova-de-Trabalho?

Muitas altcoins são apenas clones do Bitcoin

O sucesso e a popularidade do Bitcoin levaram naturalmente a um número considerável de clones. Muitas das “altcoins” (criptomoedas que não são Bitcoin) existentes hoje – incluindo algumas das maiores e mais valiosas – são apenas uma variação do Bitcoin. Elas lançam com suas próprias metas e objetivos, mas operam quase exatamente da mesma maneira.

Por exemplo, Litecoin, uma altcoin popular com um valor de mercado atual de quase US $4 bilhões, foi criada a partir de uma cópia do código-fonte do Bitcoin, e funciona quase exatamente da mesma maneira, usando, inclusive, o mesmo mecanismo de consenso de Prova-de-trabalho.

Referências

Perguntas Frequentes

Bitcoin e Ethereum foram projetados para fazer coisas completamente diferentes e operam de forma distinta, por isso é difícil comparar os dois. Qual é “melhor” depende de quais são seus próprios objetivos em relação às criptomoedas. O Bitcoin certamente vale mais – muito mais – mas o Ethereum pode fazer coisas que o Bitcoin não pode e vice-versa.

Isso parece altamente improvável neste momento. O valor de mercado do Bitcoin é significativamente maior do que o Ethereum, Tether, USD Coin e BNB (os outros quatro entre os cinco primeiros) combinados e não mostra sinais de perder sua coroa tão cedo.

Absolutamente não. Vale a pena comprar e investir em muitas criptomoedas, dependendo de quais são seus objetivos.

O Bitcoin foi construído para ser uma alternativa às moedas fiduciárias tradicionais, como o dólar americano e o euro, e esse continua sendo seu objetivo principal. No entanto, o Ethereum foi projetado para ser uma plataforma de descentralização aberta da qual outros projetos de criptomoeda podem aproveitar. Uma grande parte das criptomoedas disponíveis hoje usa a blockchain da Ethereum.

Was this article helpful?
YesNo

Ainda tem alguma dúvida? Pergunte no nosso Discord

Compartilhe esse Artigo:

Sobre o autor

Mariana Scabello
Country Manager
Brazil
Tradutora interna da AAG para comunidade da língua portuguesa, criadora de conteúdo e experiente no mundo editorial.

Aviso Legal

Esse artigo foi feito para divulgar informações gerais para ajudar a educar um segmento amplo do público; não deve servir como informações de investimento, legais, ou como qualquer outro tipo de recomendação profissional ou empresarial. Antes de tomar quaisquer ações, você deve sempre consultar seu próprio profissional legal de finanças, de imposto, de investimento ou qualquer profissional que possa dar recomendações em assuntos que afetem a você e seu negócio.

Explore Web3 & Metaverses intuitively with MetaOne®
Download

Seja o primeiro a receber notícias

Seja o primeiro a receber a newsletter sobre nossa empresa, com atualização de produtos e de mercado.

🍪
We use cookies to make your experience better. Learn more: Privacy Policy
Accept

Explore Web3 & Metaverses intuitively with MetaOne®

Download
Download MetaOne